sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Frenesi


Por esses dias tenho escrito frases soltas tentando junta-las num texto que represente como me encontro agora, mas os versos soaram melancólicos, com certo ar de fantasia e desarranjo.
Então decidi não mais falar sobre o sentimento entranhado no peito, pois nem eu mesma posso defini-lo ou expressá-lo, o que posso escrever é que penso, penso e valorizo tudo e todos que um dia me fizeram o bem,
Ah essa nostalgia!



Nenhum comentário: