quarta-feira, 1 de julho de 2009

Fragmentos.

Mulheres.
Homens.
Se encontram e se juntam.
Nunca se entendem, se separam.
Acredito que o segredo de dar certo é que não há segredo.
É apenas exaltar os momentos bons, e deixar que o ruins se apaguem da lembrança.
Mas há coisas que não se pode deixar passar...
Mas o que é isso afinal?
As pessoas que conheço, e que são sozinhas, vivem reclamando de não terem companhia.
E milhares de outras pessoas que tem companhia, reclamam por ter.
Seria simples se as que reclamam da companhia se largassem e as que estão sozinhas se encontrassem. Mas não é assim. Não mesmo.
Hoje estou tão confusa que o que escrevo não vai fazer nenhum sentido, nem mesmo pra mim.

Sou nova, e não falo pela idade, mas pela inexperiência com certas atividades.
Como trabalhar, ou fazer algo que me dê orgulho. Ou ter realmente encontrado o que quero fazer além de ter alguém do meu lado.
Acho que ando precisando disso, de vida própria. E tenho certeza que é isso que causa meu mau-humor quase que diário.
Talvez me sinta sufocada com tanta falta do que fazer.

Mas tudo sempre muda, e dessa vez não vai ser diferente, irá mudar de novo.